CDMEC


CDMEC

O setor metalmecânico em números

O setor metalmecânico envolve diferentes segmentos da economia local, entre eles:

- Mineração – constituído, entre outros, pela Vale e Samarco, que são as maiores exportadoras de minério de ferro e pelotas do Mundo;

- Metalurgia – com diferentes empresas de transformação a frio, produzindo componentes seriados e, em especial, equipamentos e componentes sob encomenda para atender os investimentos e peças de reposição nas instalações das grandes empresas;

- Siderurgia – constituída pela ArcelorMittal Tubarão e ArcerlorMittal Cariacica, além das usinas produtoras de gusa, o estado é o 3º maior produtor de aço do Brasil;

- Serviços – formados por empresas que atendem os grandes projetos na realização de trabalhos de montagem e manutenção eletromecânica e de automação industrial;

- Fabricantes de Máquinas – constituídos por empresas que evoluíram baseadas na necessidade de fabricação de máquinas para atender o setor de mármore e granito.

O desenvolvimento da indústria metalmecânica do Espírito Santo está relacionado com a industrialização do Estado, a partir do início do século XX.

Na segunda metade da década de 70, com a instalação de grandes empresas industriais, principalmente dos setores de mineração e siderurgia, surgiram novas especializações do segmento metalmecânico. Passaram a produzir algumas peças e acessórios para as grandes empresas, assim como surgiram empresas especializadas em serviços de manutenção em máquinas e equipamentos.

Com o objetivo de modernizar o setor, criou-se o CDMEC. Já naquela época, suas atividades voltavam-se para: a capacitação; maior incentivo à formação de consórcios de empresas para atuar na busca de oportunidades oferecidas pelos grandes fornecedores nas fases de propostas e de negociações de grandes investimentos, principalmente nos casos de turn key; a promoção de visitas e reuniões junto às grandes empresas detentoras de tecnologia, no Brasil e no exterior; a melhoria da mão-de-obra operacional e da qualidade técnica/gerencial.

Desde o início da década de noventa, o arranjo metalmecânico no Espírito Santo vem assumindo contornos mais definidos e promovendo ações organizadas entre as empresas, em torno de objetivos comuns, como o de ampliar o mercado local para as empresas capixabas, melhorar a qualidade dos produtos e serviços ofertados, realizar investimentos com vistas à atualização tecnológica e promover esforços conjuntos para a qualificação da mão-de-obra.

Vale destacar uma iniciativa enquanto alavanca para o crescimento e desenvolvimento do setor, o PDF – Programa de Desenvolvimento de Fornecedores. Iniciado em 1995, o programa tem por objetivo alinhar esforços para inserir as empresas locais da indústria de base (metal mecânico, construção civil e engenharia de projetos) nos fornecimentos aos grandes compradores instalados no Estado com competitividade.

O aumento da participação do fornecimento local nos projetos das grandes empresas resultou em maiores exigências de qualidade, de qualificação profissional e gerencial, e de cuidados com as legislações trabalhistas e ambientais. Nesse sentido, as empresas do setor se tornaram mais competitivas e aptas a conquistar maiores fatias de mercado com enfrentamento efetivo com as empresas concorrentes de outros estados brasileiros, e mesmo estrangeiras.

Além disto, destaca-se o importante trabalho realizado pelo PRODFOR – Programa Integrado de Desenvolvimento e Qualificação de Fornecedores. Programa realizado por doze grandes empresas e instituições locais e coordenado pelo IEL - Instituto Euvaldo Lodi, da FINDES, visa estabelecer e implementar o Sistema de Garantia de Qualidade em Fornecimento.

De acordo com dados da RAIS 2014, no setor metalmecânico capixaba existem 1.423 empresas, que ao todo geram mais de 25 mil empregos, subdivididas nas seguintes atividades:

  

Atividade

Empresas

Empregos

Metalurgia

51

7.423

Fabricação de Produtos de Metal

811

7.653

Fabricação de Máquinas, Aparelhos e Materiais Elétricos

38

3.395

Manutenção, Reparação e Instalação de Máquinas e Equipamentos

523

7.384

Total

1.423

25.855

Essas empresas faturam cerca de R$ 8 bilhões/ano, sendo 50% fora do Espírito Santo.


Os investimentos no Espírito Santo, previstos para o triênio 2016-2018 na ordem de 30 bilhões de reais, deverão permitir que as empresas locais do setor metalmecânico recebam mais encomendas.




Rua Cândido Portinari, Nº. 27, Edifício River Center - Salas 301 e 302, Santa Luiza, Vitória/ ES - Cep. 29045-415 - Telefone: 27 3227-6767